Últimas notícias de economia, política, carros, emprego, educação, ciência, saúde, cultura do Brasil e do mundo. Vídeos dos telejornais da TV Globo e da GloboNews.
Idosa morre após ser atropelada e arrastada por 240 metros em avenida de Franca, SP
Mulher, de 69 anos, caminhava pela Avenida Vanderlei Silveira quando foi atingida pelo carro. Segundo a Polícia Civil, motorista fugiu sem prestar socorro a vítima e não foi identificado. Uma idosa de 69 anos morreu após ser atropelada e arrastada por um carro no Jardim Paineira na noite deste domingo (16) em Franca (SP). Segundo a Polícia Civil, o motorista fugiu após o acidente sem prestar socorro a vítima e não foi identificado. Ainda de acordo com a Polícia Civil, a idosa caminhava pela Avenida Vanderlei Silveira, por volta de 21h45, quando foi atingida pelo carro e arrastada por cerca de 240 metros, até que o corpo se desprendeu o veículo. Não havia testemunhas no local. Consta no boletim de ocorrência que a Policia Civil tentou contato com proprietários de comércios que possuem câmeras de segurança e que poderiam ter gravado o atropelamento. Entretanto, nenhum desses comerciantes foi encontrado na noite de domingo. A vítima morava na Rua Nicolau de Andreia, no mesmo bairro. O caso foi registrado como homicídio culposo na direção de veículo automotor e será investigado pelo 5° Distrito Policial de Franca. Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca
Mon, 17 Feb 2020 13:34:16 -0000
Confira os últimos dias da exposição “Yolanda Vidal Queiroz - Momentos” no Espaço Cultural Unifor

Público pode conhecer a história de uma das mais importantes personalidades do Ceará até 1º de março. A visitação é gratuita. Sob curadoria de Denise Mattar, a exposição traz parte importante do acervo pessoal de Yolanda Queiroz (1928-2016) Ares Soares Ainda dá tempo de conferir a exposição “Yolanda Vidal Queiroz - Momentos”, que está em cartaz no Espaço Cultural da Universidade de Fortaleza e chega aos últimos dias de exibição. Sob curadoria de Denise Mattar, a exposição traz parte importante do acervo pessoal de Yolanda Queiroz (1928-2016), matriarca de uma das famílias mais tradicionais e de destaque no ramo dos negócios no Ceará, construída a partir de sua união com o empresário Edson Queiroz (1925-1982). Entre os recursos cenográficos da exposição, vídeos, fotografias, cartões postais, músicas e roupas conduzem o olhar de quem também vai conhecer a própria história do Ceará e do Brasil a partir da trajetória de vida de dona Yolanda. Amalgamados, passado e presente surgem ainda em imagens plotadas nas paredes ou digitalizadas e projetadas em monitores. Além da recriação de ambientes domésticos, tal e qual se vê na casa da homenageada, o barroco é assumidamente vedete. Trabalho, educação e arte. Sobre esse tripé de valores simbólicos, dona Yolanda construiu o seu mundo de sentidos. Dele, fazem parte pinturas de artistas brasileiros modernistas; objetos e peças representativas da religiosidade barroca, adquiridas em suas inúmeras viagens pelo mundo; uma vasta iconografia afetiva com fotos de época, álbuns de família, manuscritos íntimos, vestuário e mobiliário próprios, além de todo um acervo de documentos e registros que dão conta da trajetória empresarial ascendente da família Queiroz. “Um grande destaque da coleção de D. Yolanda é a arte sacra, indo da escultura barroca erudita, na qual se destacam imagens de Sant’Anna, São Pedro e São José, ao barroco popular. Há pinturas barrocas brasileiras e pinturas da Escola Cuzquenha. Muito religiosa, D. Yolanda era ecumênica, assim sua coleção inclui divindades indianas, vietnamitas, tailandesas, e um conjunto excepcional de ícones russos”, detalha a curadora Denise Mattar, que pinçou da casa da matriarca todo o acervo agora em exposição. Mãe de seis filhos e principal conselheira do criador do Grupo e da Fundação Edson Queiroz, foi ela a corresponsável inclusive por encorajar o marido a investir na criação da Universidade de Fortaleza. Um arquivo pessoal que promete revelar nuances de uma personagem capaz de surpreender o senso comum: dona Yolanda como a empreendedora que, longe de ser apenas figura decorativa, assumiu as rédeas dos negócios do marido após seu falecimento, chegando a ganhar o prêmio Personalidade do Ano, em Nova Iorque; a mãe de pulso forte mas doce o bastante para manter unida a numerosa família que se reunia pelo menos uma vez por semana em sua casa; a avó Landa, que mantinha o hábito amoroso de escrever bilhetinhos para os netos; a moçoila que, quando noiva, rendeu-se aos encantos de um Edson romântico capaz de oferecer-lhe diariamente buquês de bugaris, até ouvir o esperado “sim”; a esposa amantíssima que se casou aos 16 anos e guardou enternecida e a sete chaves o véu e a grinalda originais de seu casamento; a dona de casa caprichosa que não economizava nos tons de azul-turquesa, sua cor predileta, e nem na variedade de ornamentos afixados nas paredes e dispostos por ela mesma como verdadeiras instalações. Inestimável, o relicário de Yolanda Queiroz ganha os contornos de exposição de arte a partir de uma montagem que acabou por dividir a galeria em núcleos, partindo de uma cronologia familiar para chegar à coleção particular de uma também “dama das artes”. “A mostra terá algumas características em comum com as exposições recentemente apresentadas no Espaço Cultural da Unifor, como a Coleção Airton Queiroz e Da Terra Brasilis à Aldeia Global, sendo complementar a elas e trazendo, como diferencial, peças ligadas à religiosidade barroca. Dessa forma, cria-se uma trilogia de exposições dessas importantes coleções cearenses, que também se somam à mostra Pioneiros & Empreendedores, alusiva a Edson Queiroz, realizada em São Paulo”, destaca a curadora. Cores e nomes. De encher os olhos, a coleção da matriarca privilegia majoritariamente o Modernismo brasileiro: Di Cavalcanti, Ismael Nery, Portinari, Milton Dacosta, Guignard, Anita Malfatti, Inimá de Paula, Eliseu Visconti, Antonio Bandeira, Pancetti, Frans Post, Cícero Dias, Volpi, Djanira, Vicente do Rego Monteiro, entre outros, constituem a espinha dorsal da exposição com fins igualmente educativos e didáticos. “Uma das obras mais antigas da coleção de D. Yolanda é um belíssimo Frans Post. O artista veio ao Brasil com Mauricio de Nassau, ainda no século XVII, e realizou os mais importantes registros do Brasil recém-descoberto. Há também um conjunto de algumas obras clássicas, entre elas, pinturas de Eliseu Visconti e esculturas de Emilio Fiaschi, em mármore e alabastro, e de Charles Collet, em bronze”, elenca a curadora. Há ainda o retrato de D. Yolanda assinado por Albery, obra pela qual, segundo Denise, ela nutria especial afeto. Outro patrimônio afetivo vindo à tona é um retrato de família, realizado por Lazlo Burjan, em 1970, onde se veem D. Yolanda e as quatro filhas, ainda solteiras. Assim, recriado com imaginação, o espaço vivido de Yolanda Queiroz se apresenta ao público como um elogio à memória individual e coletiva, tornando equivalentes em importância a casa e o mundo. Serviço Yolanda Vidal Queiroz - Momentos Local: Espaço Cultural Unifor Período de apresentação: 11 de outubro de 2019 a 1º de março de 2020 Horário de funcionamento: 10h às 18h (sábado e domingo) Aberto ao público
Mon, 17 Feb 2020 13:34:01 -0000
Anatel abre prazo de 45 dias para discutir regras do leilão 5G

Leilão, previsto para novembro, deve movimentar cerca de R$ 20 bilhões. A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) abriu nesta segunda-feira o prazo de 45 dias para discutir as regras do leilão da quinta geração de telefonia (5G). O aviso de consulta pública foi publicado na edição desta segunda-feira (17) do Diário Oficial da União (DOU). A versão preliminar do edital foi aprovada pela diretoria da agência no dia 6 de fevereiro. O leilão é considerado o maior da história da Anatel, com oferta de 3,7 gigahertz (GHz) em capacidade adicional de radiofrequência dedicada à transmissão de dados por dispositivos móveis. As licenças de serviço estão divididas em blocos distribuídos nas faixas de 700 megahertz (MHz), 3,5 GHz, 2,3 GHz e 26 GHz. O leilão, previsto para novembro, deve movimentar R$ 20 bilhões entre o preço de aquisição das licenças, que será fixado na versão final do edital, as obrigações de investimento na expansão de redes e o custo de instalação de filtro para proteger o sinal de antenas parabólicas de interferências. Mapa das privatizações: governo tem 115 projetos em carteira e quer leiloar 64 projetos em 2020 No leilão de 5G serão ofertadas quatro faixas de frequência: 700 MHz, 2,3 GHz, 26 GHz e 3,5 GHz. A faixa de 3,5 GHz é a que desperta mais interesse das empresas de telefonia. As faixas de frequências são espectros usados, por exemplo, para a oferta de telefonia celular e de TV por assinatura. Infográfico explica o que é o 5G Fernanda Garrafiel/G1
Mon, 17 Feb 2020 13:34:00 -0000
Corpo de dentista que morreu após cair durante corrida é velado em MG; 'ele corria por prazer e não tinha problema de saúde'

Sédrick Leandro Souto Rocha participava de uma corrida dos bombeiros em Montes Claros, nesse domingo (16). Laudo do Instituto Médico Legal deve ficar pronto em 10 dias, mas a família diz que foi informada que a causa da morte foi traumatismo craniano. Sédrick gostava de postar fotos nas redes sociais com os percursos das corridas que fazia diariamente Reprodução/ Redes sociais O corpo do dentista, que morreu após cair durante uma corrida, em Montes Claros, está sendo velado na manhã desta segunda-feira (17). A causa da morte está sendo investigada e a Polícia Civil esclareceu que o laudo do Instituto Médico Legal deve ficar pronto em 10 dias. Por telefone, uma tia da vítima disse ao G1 que a família foi informada que Sédrick Leandro Souto Rocha sofreu traumatismo craniano após cair e bater a cabeça no chão. “Ele era muito saudável e não tinha nenhum problema de saúde. Nós conversamos com o médico que fez o laudo no IML e ele nos explicou que a causa da morte foi traumatismo craniano”, disse Zuma Nunes. Homem morre após cair durante corrida rústica dos bombeiros em Montes Claros A tia conta que o sobrinho gostava muito de correr e tinha o hábito de praticar a atividade física diariamente. “Ele corria por prazer e fazia isso todas as manhãs, era o esporte preferido. Nós não sabíamos que ele estava participando desta corrida e a notícia caiu como se fosse uma bomba. A ficha ainda não caiu e parece que estamos no velório de um desconhecido”, desabafa. Sédrick Leandro Souto Rocha se formou em odontologia em 2011 e trabalhava como cirurgião-dentista na Prefeitura de Janaúba. O município divulgou uma nota de pesar nas redes sociais e disse que a UBS Milton Borém, onde ele atendia, estará fechada nesta segunda-feira (17). O horário do enterro ainda não foi divulgado pela família. Entenda o caso O dentista de 31 anos participava da 4ª Corrida Rústica do Sétimo Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar em Montes Claros, nesse domingo (16), e caiu já nos metros finais da prova e bateu a cabeça no chão. “Foi prestado atendimento médico imediato pelo Corpo de Bombeiros Militar com equipe exclusiva para o evento. Após o atendimento, o atleta foi conduzido consciente por uma Unidade de Resgate ao Hospital Santa Casa de Montes Claros, onde submeteu-se a uma tomografia, que não constatou lesão”, diz a nota divulgada pelo Corpo de Bombeiros nesse domingo. A assessoria da Santa Casa disse que o óbito foi confirmado às 11h. Veja mais notícias da região no G1 Grande Minas.
Mon, 17 Feb 2020 13:33:05 -0000
Homem é preso com mais de mil camisetas falsificadas em Porto Vitória, diz PRF

Motorista disse à polícia que tem uma empresa de confecção e iria levar as peças para Santa Catarina. Prisão em flagrante foi feita na manhã desta segunda-feira (17), na BR-153. Policiais apreenderam 1.351 camisetas que são falsificadas, segundo a polícia PRF/Divulgação Um homem foi preso suspeito de estar transportando mais de mil camisetas falsificadas na manhã desta segunda-feira (17), em Porto Vitória, na região sul do Paraná, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF). De acordo com a PRF, o homem dirigia o carro que transportava as peças. O motorista, de 39 anos, foi abordado pelos policiais na BR-153. A PRF informou que dentro do carro estavam 1.351 camisetas de diversas marcas internacionais conhecidas. O homem disse aos policiais que possui uma empresa que confecciona roupas em Apucarana, no norte do Paraná, e que entregaria as peças em Porto União (SC), segundo a polícia. O motorista foi preso em flagrante e levado para a Delegacia de Polícia Civil de União da Vitória, também na região sul. Segundo a PRF, o homem pode responder por reprodução de marca registrada sem autorização, com pena de três meses a um ano de prisão. Veja mais notícias da região no G1 Campos Gerais e Sul.
Mon, 17 Feb 2020 13:32:30 -0000
Homem e mulher são mortos a facadas no bairro Belém Velho, em Porto Alegre
Dupla estaria bebendo em frente a um ponto de venda de bebidas quando foram atingidos pelo suspeito. Polícia Civil investiga as motivações. Porto Alegre registra quatro homicídios, três deles no intervalo de meia hora Um homem e uma mulher foram mortos a facadas na noite deste domingo (16), em Porto Alegre. O crime ocorreu no bairro Belém Velho, na Zona Sul da Capital. O crime aconteceu por volta das 20h30. Segundo o delegado Guilherme Gerhardt, eles estariam bebendo em frente a um ponto de venda de bebidas, na Rua Monte Carmelo. "O autor não sei se bebia ou chegou discutindo. Precisamos de tempo para verificar as hipóteses", explicou. As vítimas foram identificadas como Maristela dos Santos, de 47 anos, e Paulo Roberto da Silva Ferraz, de 56 anos. O suspeito fugiu do local. A Polícia Civil ainda não identificou o autor do crime. A investigação deve ouvir testemunhas para identificar as motivações do crime.
Mon, 17 Feb 2020 13:32:11 -0000
Preso é encontrado morto em cela do Centro de Ressocialização de Ariquemes, RO

Homem de 33 anos, identificado como Adilson Raniere, foi encontrado morto na cela 01 do pavilhão de inclusão. Delegacia de Homicídios já começou as investigações. Centro de Ressocialização de Ariquemes, onde detento foi encontrado morto em cela Jeferson Carlos/Arquivo/G1 Um detento de 33 anos foi encontrado morto na tarde de sábado (15) na cela 01 do pavilhão de inclusão do Centro de Ressocialização de Ariquemes (CRA). Após perícia, o corpo foi liberado ao Instituto Médico Legal (IML). De acordo com a ocorrência, um policial penal foi até a Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) informar sobre a morte do apenado Adilson Raniere Alves Rodrigues. Ainda conforme o boletim policial, uma equipe do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) confirmou o óbito do preso e a Polícia Técnico Cientifica (Politec) durante perícia encontrou perfurações na cabeça e no olho da vítima. Todo o trabalho da Politec foi acompanhado pelo delegado da homicídios Rodrigo Camargo, que deu início às investigações. Após a perícia o corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) de Ariquemes.
Mon, 17 Feb 2020 13:32:02 -0000
Acidente entre dois carros deixa uma pessoa ferida no Anel Viário de Campinas
Batida foi no quilômetro 15, por volta das 8h desta segunda-feira (17). Vítima foi socorrida à Santa Casa de Valinhos com ferimentos moderados. Uma colisão traseira envolvendo dois carros deixou uma pessoa ferida no Anel Viário Magalhães Teixeira (SP-83), em Campinas (SP), na manhã desta segunda-feira (17). A vítima foi socorrida à Santa Casa de Valinhos com ferimentos moderados. Confira, em tempo real, a situação do trânsito em Campinas e região O acidente aconteceu na altura do quilômetro 15 da pista, no sentido Rodovia Dom Pedro I (SP-65), por volta das 8h. Segundo a concessionária que administra a rodovia, outra pessoa envolvida no acidente não sofreu ferimentos. Não foi necessário interditar a via, mas houve congestionamento no local após o acidente. De acordo com a concessionária, a lentidão foi devido ao horário de pico. Veja mais notícias da região no G1 Campinas
Mon, 17 Feb 2020 13:30:22 -0000
Vídeos flagram briga generalizada e pessoa armada no Centro Histórico de Petrópolis, no RJ
Imagens que circulam nas redes sociais mostram um homem portando uma arma durante tumulto registrado no último sábado (15). Vídeo flagra briga generalizada e uso de armas em rua de Petrópolis Vídeos que circulam nas redes sociais flagraram uma briga generalizada na Rua Treze de Maio, no Centro Histórico de Petrópolis, na Região Serrana do Rio. As imagens mostram um homem correndo com uma arma na mão durante a confusão. O registro foi feito durante a madrugada deste sábado (15). Segundo o comandante do 26º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Christoph Leite, os casos ocorreram após o fechamento dos bares e casas noturnas, que só podem funcionar no local até meia-noite. “Temos relatos de dois incidentes. Ambos ocorreram após o fechamento dos bares, madrugada adentro. São jovens que ficam na rua e acabam por se embriagar e promover brigas”, explicou. Vídeo flagra briga generalizada e uso de armas em rua de Petrópolis A PM foi acionada, mas não foram encontrados feridos e nem os responsáveis pela briga. “A ação da PM foi imediata, mas não houve identificação, ainda, daqueles que promoveram o tumulto. Estamos contando com imagens de segurança do local, para chegar a essa conclusão e apresentá-los à DP”, explicou. Veja outras notícias da região no G1 Região Serrana.
Mon, 17 Feb 2020 13:28:42 -0000
Pai vai a encontro marcado pela filha de 13 anos e agride rapaz com quem ela trocava mensagens e fotos, diz polícia de Mogi
Pai vai responder por lesão corporal, mas a polícia vai periciar celular do rapaz para avaliar troca de fotos e mensagens. Ele pode ser indiciado com base no ECA, por possuir ou armazenar fotografia/vídeo de menor. Um funcionário público agrediu neste sábado (15), um estudante, de 19 anos, que marcou o encontro com a filha dele de 13 anos, em Mogi das Cruzes. Segundo o pai, a jovem teria enviado mensagens e fotografias para o estudante. O pai vai responder por lesão corporal. A polícia vai periciar celular do rapaz para avaliar troca de fotos e mensagens. Se houver fotos e mensagens impróprias, ele pode ser indiciado com base no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), por possuir ou armazenar fotografia/vídeo de menor. O funcionário público, de 41 anos, contou que viu uma mensagem entre a filha e o rapaz, marcando um encontro para esse sábado na Avenida Guilherme George, em Mogi. O homem usou uma arma de pressão para agredir o estudante na região da cabeça. O jovem também foi levado para a delegacia e contou que não conhecia a adolescente pessoalmente. Este seria o primeiro encontro dos dois. O contato, segundo ele, havia sido apenas por rede social e aplicativo de conversa. A adolescente confirmou para a polícia que nunca teve contato físico com o estudante e que apenas trocou mensagens e fotos com ele por um aplicativo. O estudante foi encaminhado para a Unidade Básica de Saúde de Jundiapeba onde foi medicado e liberado. Como não houve um flagrante da troca de conteúdo fotográfico, porque isso ocorreu dias antes do encontro, a polícia apreendeu o celular do estudante e da adolescente. Os aparelhos serão periciados. A polícia determinou que o estudante seja submetido a exame de corpo de delito. O caso foi registrado no 1º Distrito Policial como lesão corporal, ameaça e adquirir, possuir ou armazenar fotografia/vídeo.
Mon, 17 Feb 2020 13:28:10 -0000

This page was created in: 0.01 seconds

Copyright 2020 Oscar WiFi

This website or its third-party tools use cookies, which are necessary to its functioning and required to achieve the purposes illustrated in the cookie policy. By closing this banner, scrolling this page, clicking a link or continuing to browse otherwise, you agree to the use of cookies. If you want to know more or withdraw your consent to all or some of the cookies, please refer our Cookie Policy More info